Open your mind!

As I lay back at home in my bed reflecting on my trip I stop to think about how fortunate I am to have these amazing experiences. Due to personal responsibilities I can’t stay for months at a location but one of these days I will probably do it. I always try to visit a new location with a purpose; to learn about another culture, to practice the language, to interact with the locals and learn about their life, to tap more into my inner peace, to become open minded about other lifestyles and people’s choices because there is not one right way to live life. Como dice el dicho, “caminante no hay camino, se hace el camino al andar.”


Estou na minha cama refletindo sobre a minha viagem e paro a pensar sobre como sou uma pessoa fortunada de ter estas experiências incríveis. Devido às responsabilidades pessoais não posso ficar por meses em um local, mas um dia desses eu provavelmente vou fazer isso. Eu sempre tento visitar um novo local com um propósito; para conhecer outra cultura, para praticar a língua, para interagir com os habitantes locais e aprender sobre sua vida, para tocar mais em minha paz interior, para tornar minha mente mais aberta sobre outros estilos de vida e as escolhas das pessoas, porque não há uma maneira certa de viver a vida . “Andador não tem caminho, o caminho faz-se caminhando.”